|Vietname

Chuvas deixaram a descoberto duas bombas dos EUA no Centro de Vietname

As chuvas que caíram na região central do país trouxeram à luz duas bombas norte-americanas do tempo da Guerra do Vietname. Quang Tri é a província vietnamita mais contaminada por munições não detonadas.

Membro de equipa de desminagem em acção na região central do Vietname (imagem de arquivo) 
Membro de equipa de desminagem em acção na região central do Vietname (imagem de arquivo) Créditos / South China Morning Post

Os artefactos, que foram encontrados por residentes na comuna de Huong Lap, perto de uma zona habitada no distrito de Huong Hoa, mantinham o seu poder destrutivo.

Trata-se de uma bomba MK-82, com 1,54 metro de comprimento e 227 quilos, e de uma bomba M117, com 1,2 metro e 340 quilos, informa a Vietnam News Agency (VNA).

Informadas de imediato, as autoridades locais chamaram uma equipa móvel de limpeza de minas e explosivos, a ONG norte-americana PeaceTrees Vietnam, cujos membros vedaram o acesso à zona e estavam ontem a tentar desactivar os explosivos.

Quang Tri era a província mais a norte do Sul do Vietname e, quase até ao fim da guerra, marcava, com a vizinha província de Quang Binh (a mais a sul do Norte), a «fronteira». Foram dos territórios mais bombardeados pelos Estados Unidos.

Com quatro quintos do seu território contaminados com bombas e minas, Quang Tri é a província vietnamita mais exposta à ameaça das munições não detonadas, artefactos reconhecidos internacionalmente com a sigla UXO (do inglês unexploded ordnance).

Desde o fim da guerra, em 1975, as UXO provocaram mais de 3400 mortos e 5100 feridos só nesta província do Centro do Vietname.

De acordo com as autoridades vietnamitas, os Estados Unidos utilizaram cerca de 15 milhões de toneladas de bombas e minas no Vietname – quatro vezes mais que as utilizadas em toda a Segunda Guerra Mundial –, o que contribui fortemente para que o país do Sudeste Asiático seja um dos mais contaminados por UXO.

Dados do Centro de Tecnologia para a Eliminação de Bombas e Minas referem que mais de 6,5 milhões de hectares, um quinto do território vietnamita, estão contaminados com munições não detonadas. Desde 1975, mais de 40 mil vietnamitas morreram devido ao contacto com estes explosivos.

Tópico