|pensões

Pensões mais baixas voltam a subir 10 euros

O novo aumento extraordinário das pensões até 658,2 euros entrou em vigor esta terça-feira. Com retroactivos a 1 de Janeiro, a medida abrange 1,9 milhões de beneficiários. 

O aumento extraordinário único de dez euros para as pensões até aos 658,2 euros foi publicada esta segunda-feira em Diário da República e entra hoje em vigor, apesar de já ter começado a ser pago no início do mês, com retroactivos a 1 de Janeiro. 

Tal como os anteriores, desde 2017, o quinto aumento consecutivo das pensões foi inscrito no Orçamento do Estado para 2021 por proposta do PCP, na Assembleia da República. 

No documento, que mereceu a abstenção do PSD, os comunistas previam uma actualização extraordinária no valor de dez euros por pensionista, «cujo montante global de pensões seja igual ou inferior a 1,5 vezes o valor do indexante dos apoios sociais (IAS)».

Já a proposta de alargar o aumento às pensões acima de 1,5 vezes o valor do IAS, e cujo montante da actualização regular anual seja inferior a dez euros, foi chumbada pelo PS, com a abstenção do PSD, CDS-PP e Chega.

Recorde-se que, em 2020, o aumento extraordinário das pensões mereceu críticas de Bruxelas.

Tópico