|Gondomar

Gondomarenses exigem reposição urgente das carreiras

Apesar de o momento ser de retoma gradual da economia, a Empresa de Transportes Gondomarense mantém a suspensão de linhas e horários. 

Créditos / CM Gondomar

«Tendo em conta o conjunto de medidas que estão a ser consideradas para a retoma da actividade económica, designadamente com o crescente funcionamento da indústria, do comércio e dos serviços, não é aceitável que a Gondomarense não tenha ainda reposto todas as linhas e horários, tendo pelo menos como referência o serviço que existia no início de Março», critica a CDU num comunicado divulgado este fim-de-semana.  

De acordo com a coligação, e tendo em conta os «muitos protestos sobre o funcionamento da Empresa de Transportes Gondomarense, é urgente repor a mobilidade dos gondomarenses em condições adequadas de segurança sanitária, evitando «episódios frequentes de sobrelotação» em períodos de utilização mais intensa. 

A CDU denuncia ainda que a supressão de carreiras e a redução de frequência deixou muitos trabalhadores sem transportes nas suas deslocações casa/trabalho, «incluindo muitos profissionais de sectores que têm sido imprescindíveis ao funcionamento da sociedade», e que a retoma deve ser acompanhada pelo fim do processo de lay-off, sem perda de direitos.

Tópico