|acção reivindicativa

«Semana de Esclarecimento, Acção e Luta» da CGTP-IN começa com foco na distribuição

Uma iniciativa com início esta quinta-feira, com os trabalhadores dos sectores do transporte, transformação, serviços públicos, hotelaria e restauração a marcarem as suas lutas para este dia.

CréditosMiguel A. Lopes / Agência LUSA

Esta «Semana de Esclarecimento, Acção e Luta» será marcada pela dinamização de greves, concentrações e plenários por todo o país e em diversos sectores produtivos estará sob o lema «Aumentar salários, garantir direitos, combater a exploração e as desigualdades».

Em comunicado, a central sindical reafirma as necessidades reais dos trabalhadores e afirma que a situação atual exige «o aumento geral e significativo dos salários e a subida das pensões, o trabalho com direitos e o fim da precariedade, a redução do horário de trabalho e a sua regulação, o direito de contratação colectiva, mais e melhores serviços públicos».

Já no primeiro dia de actividades, o Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal (CESP/CGTP-IN) promove uma manifestação dos trabalhadores da distribuição em Vila Nova de Gaia. O desfile — a reivindicar o Contrato Coletivo de Trabalho que está bloqueado a 8 anos — começará às 10 horas na Avenida da República e passará pelo Continente Bom Dia, Pingo Doce, El Corte Inglés, Lidl, Aldi e Mercadona, o último ponto do trajecto.

Ainda na quinta-feira haverá uma concentração à porta da Associação Patronal da Metalurgia e Metalomecânica (AIMMAP), no Porto, às 15h, onde os trabalhadores do sector da metalurgia irão reclamar o aumento dos salários, a redução e regulação dos horários e o fim da precariedade.

Estas duas iniciativas contarão com a participação do Secretário Geral da CGTP-IN, Tiago Oliveira. Entretanto, outras acções de luta estão marcadas até o dia 27 de Junho em todo o território nacional.

Tópico

Contribui para uma boa ideia

Desde há vários anos, o AbrilAbril assume diariamente o seu compromisso com a verdade, a justiça social, a solidariedade e a paz.

O teu contributo vem reforçar o nosso projecto e consolidar a nossa presença.

Contribui aqui