|Fiequimetal

Fiequimetal reúne congresso para melhor defender os interesses dos trabalhadores

Mais de 300 delegados e várias dezenas de convidados nacionais e estrangeiros participaram no IV Congresso da Fiequimetal, a poderosa federação sindical da indústria transformadora em Portugal.

O IV Congresso da Federação Intersindical das Indústrias Metalúrgicas, Químicas, Eléctricas, Farmacêutica, Celulose, Papel, Gráfica, Imprensa, Energia e Minas (Fiequimetal/CGTP-IN) realizou-se no Cineteatro de São João, em palmela, a 29 de Novembro de 2019
O IV Congresso da Federação Intersindical das Indústrias Metalúrgicas, Químicas, Eléctricas, Farmacêutica, Celulose, Papel, Gráfica, Imprensa, Energia e Minas (Fiequimetal/CGTP-IN) realizou-se no Cineteatro de São João, em palmela, a 29 de Novembro de 2019 Créditos / Fiequimetal

Mais de 300 delegados e várias dezenas de convidados nacionais e estrangeiros participaram no IV Congresso da Fiequimetal, realizado nesta sexta-feira, 29 de Novembro, no Cineteatro de São João, em Palmela.

O IV Congresso da Federação Intersindical das Indústrias Metalúrgicas, Químicas, Eléctricas, Farmacêutica, Celulose, Papel, Gráfica, Imprensa, Energia e Minas (Fiequimetal/CGTP-IN), uma forte federação sindical da indústria transformadora, analisou a actividade sindical no período decorrido desde o congresso anterior, em 2015, em Estarreja, discutiu e votou o Programa de Acção para os próximos quatro anos e elegeu a Direcção Nacional da federação para o mandato que vai até 2023.

O congresso decorreu sob o lema «Unidade e luta, valorizar os trabalhadores» e focou-se na intervenção sindical para defesa dos interesses, direitos e justas aspirações de quem vive da venda da sua força de trabalho. O secretário-geral da CGTP-IN, Arménio Carlos, interveio no encerramento dos trabalhos.

Créditos

A importância da iniciativa trouxe a a Portugal dirigentes de organizações sindicais congéneres de diversos países e de organizações internacionais de que a Fiequimetal faz parte, como a IndustriAll, tendo essa presença sido aproveitada para, na véspera do congresso, se organizar um encontro internacional, que decorreu em Setúbal,  no auditório do Mercado do Livramento, sobre os temas «Indústria 4.0» e «Transição energética», na óptica da defesa do emprego, dos direitos dos trabalhadores e da soberania dos países.

A Federação Intersindical das Indústrias Metalúrgicas, Químicas, Eléctricas, Farmacêutica, Celulose, Papel, Gráfica, Imprensa, Energia e Minas (Fiequimetal) afirma-se como uma organização de classe, que baseia a sua acção em cinco princípios fundamentais: a liberdade, a unidade, a democracia, a independência, a solidariedade e o sindicalismo de massas.

O IV Congresso da Fiequimetal teve a particularidade de ter sido transmitido em directo na internet e de a sua transmissão integral, com mais de 10 horas, poder ser visionada na rede social YouTube.

Tópico