|Restauração e Hotelaria

Doçaria de São Vicente fechou sem pagar salários em dívida

Sindicato denuncia que a sociedade Costa Pereira, proprietária da Doçaria de São Vicente, em Braga, despediu todos os trabalhadores, depois de os ter mandado para férias. Em dívida estão vários salários.

Créditos / Braga Cool

Em nota de imprensa, o Sindicato da Hotelaria do Norte (CGTP-IN) condena a atitude da entidade patronal, que não pagou aos trabalhadores os devidos salários e indemnizações, e afirma que vai «apresentar uma queixa-crime contra os sócios gerentes desta sociedade por encerramento ilícito».

Segundo o sindicato, a sociedade Costa Pereira encerrou a Doçaria de São Vicente no início de Março passado, «alegando férias» e depois «dispensou os trabalhadores do serviço», os quais foram efectivamente despedidos a 15 de Abril, mas sem lhes «pagar as dívidas acumuladas e demais direitos aos trabalhadores».

Ao todo a empresa tinha dez trabalhadores ao serviço, sublinha a estrutura, que frisa que estão em dívida metade do salário de Fevereiro e do subsídio de Natal de 2018, assim como os últimos dois meses de Março e Abril.

Além disso, «há trabalhadores com 48 anos de antiguidade na empresa e a quem não foram pagas as indemnizações devidas», acrescenta o sindicato, que afirma já ter pedido uma reunião com o Ministério do Trabalho.

Tópico