|sector ferroviário

Dia Nacional do Ferroviário assinalado em acção pública

No dia em que se comemoram os 164 anos da primeira viagem de comboio em Portugal, o SNTSF lembra que tal acontecimento «não teria sido possível sem ferroviários».

CréditosNuno Fox / Lusa

Frente ao Ministério das Infraestruturas, o Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Sector Ferroviário (SNTSF/CGTP-IN) assinalou esta manhã o Dia Nacional do Ferroviário com uma concentração de dirigentes e delegados sindicais, onde estiveram também várias comissões de trabalhadores do sector e na qual participou a secretária-geral da CGTP-IN, Isabel Camarinha.

A primeira viagem de comboio em Portugal «não teria sido possível sem ferroviários», lembra o SNTSF, que destaca «o papel central dos trabalhadores do sector na construção e desenvolvimento do caminho de ferro», que «através da sua acção e luta construíram também um património de direitos laborais e sociais».

Para além de constituir uma «justa homenagem» às gerações de ferroviários que os antecederam, nesta acção de luta os trabalhadores insistiram no necessário aumento dos salários e valorização das profissões, bem como do combate aos vínculos precários no sector.

Tópico