|Dia Mundial da Segurança no Trabalho

Covid-19 veio reforçar importância da Segurança no Trabalho

A vida e os meios de subsistência de milhões de trabalhadores dependem destes sistemas de segurança e saúde estarem de facto dotados de todos os meios e recursos necessários, afirma a CGTP.

CréditosJOSÉ SENA GOULÃO / LUSA

Em comunicado por ocasião do Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho que se celebra hoje, a CGTP-IN sublinha que a pandemia da Covid-19 atingiu «profundamente todos os aspectos do trabalho» e veio demonstrar «a extrema importância que assume o investimento em sistemas de segurança e saúde no trabalho». 

Nesse sentido, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) decidiu dedicar a data, este ano, ao reforço da importância destes sistemas.

«É tempo de os nossos empresários compreenderem finalmente que o investimento na prevenção e na protecção da segurança e saúde dos trabalhadores não é apenas mais um custo indirecto do trabalho que procuram minimizar a todo o custo, mas uma condição fundamental do prosseguimento da sua actividade, absolutamente necessária ao funcionamento das respectivas empresas», pode ler-se na nota.

Também os governos devem apostar mais no fortalecimento dos sistemas nacionais segurança e saúde no trabalho, lembra a Intersindical, principalmente ao nível da saúde ocupacional.

Segundo a central sindical, é essencial definir uma política nacional de segurança e saúde no trabalho «coerente», que tenha como objectivo «prevenir não apenas os acidentes de trabalho», mas «todos os riscos para a segurança e saúde que sejam consequência do trabalho».

Por outro lado, a existência de um sistema de inspecção do trabalho sólido é uma condição fundamental para a aplicação efectiva das políticas e das normas de segurança e saúde no trabalho, refere.

Para além das consequências dos contágios da Covid-19, a CGTP-IN alerta para «o surgimento e reforço de muitos outros riscos associados ao combate à pandemia», como o aumento da carga e dos ritmos de trabalho, o prolongamento dos tempos de trabalho e a redução dos períodos de descanso.

Tópico