|desporto

Filipa Martins conquista ouro em ginástica artística

Depois de ter conquistado o bronze, no sábado, em paralelas assimétricas, a ginasta conquistou ontem o primeiro lugar na trave, na competição da Taça do Mundo de Ginástica Artística.

Filipa Martins na competição final de traves dos Jogos Europeus. Minsk, Bielorrúsia, 29 de Junho de 2019 CréditosEPA/TATYANA ZENKOVICH / Agência LUSA

No Pavilhão Multiusos de Guimarães, que acolheu de 19 de Setembro até este domingo, a Taça do Mundo de Ginástica Artística, a atleta portuguesa do Acro Clube da Maia alcançou o primeiro lugar, conseguindo a pontuação mais alta na trave.

Por seu lado, Beatriz Cardoso, atleta do mesmo clube, conquistou o quinto lugar na trave e no solo, enquanto Mariana Pitrez ficou em sétimo nesta última especialidade.

Em declarações à assessoria de imprensa da Federação de Ginástica de Portugal, José Ferreirinha, treinador das ginastas portuguesas, referiu que «a preparação [se realizou] um bocado atrasada, devido a alguns constrangimentos físicos, que nos fizeram interromper algumas sessões de treino (…) [mas] as prestações foram boas e isso já foi um sinal positivo que nos dá garra a nós e às ginastas».

O atleta Bernardo Almeida, que conquistou, no sábado, a medalha de bronze em argolas, terminou as paralelas em quinto, ao passo que Petrix Barbosa alcançou o quarto lugar nos saltos.

Também este fim-de-semana, Diogo Costa, atleta do Ginásio Clube Vilacondense, conquistou a medalha de prata na final de duplo-mini trampolim Taça do Mundo de Ginástica de trampolins, que decorre em Khabarovsk, na Rússia.

Estes lugares são tão mais positivos, quanto daqui a duas semanas se realiza, em Estugarda, o Campeonato do Mundo, que pode permitir o apuramento para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020.

Com agência Lusa

Tópico