|Anadia

Utentes de Sangalhos exigem mais profissionais de saúde

Está marcada para esta sexta-feira uma vigília em frente ao Centro de Saúde de Sangalhos, no concelho de Anadia, para reclamar mais médicos e enfermeiros de família. 

Créditos / Bruna Marques

A iniciativa, agendada para as 19h30, é promovida pelo Movimento de Utentes dos Serviços Públicos (MUSP) de Aveiro, pelo reforço dos profissionais de saúde e do acesso a consultas. 

Esta é uma reivindicação partilhada por utentes de outras localidades do distrito de Aveiro, e de vários pontos do país. Esta terça-feira, utentes da Unidade de Saúde de Mourisca do Vouga marcaram presença numa iniciativa para exigir melhores condições de saúde. 

Segundo denunciou então o MUSP, esta extensão de saúde, «que em tempos teve três médicos de família, actualmente conta com apenas um médico e em regime não permanente, obrigando assim ao encerramento intermitente desta unidade, com todos os constrangimentos que isso acarreta». 

Hoje, associado à jornada de luta nacional da CGTP-IN, o MUSP promove um cordão humano, às 15h, do Hospital Infante D. Pedro à Praça Melo Freitas, em Aveiro.

Tópico