|mobilidade e transportes

As famílias «Navegante» podem tratar do requerimento a partir do dia 22 de Julho

Os passes família, nas versões Navegante Metropolitano e Municipal, entram em vigor, apenas em Lisboa, a partir do dia 1 de Agosto. O requerimento prévio deve ser feito a partir de segunda-feira. 

A USS/CGTP-IN chama a atenção para a necessidade de também se reconstituírem os serviços de manutenção da empresa e a recomposição dos quadros de pessoal.
A AML destaca um «aumento significativo e continuado do número de passageiros», desde AbrilCréditos / My Takkes

A medida estava prevista desde a entrada em vigor dos novos passes, no passado mês de Abril. O Navegante Metropolitano Família tem um custo de 80 euros e permite a todos os membros do agregado familiar utilizar todos os operadores ou linhas no âmbito dos 18 municípios da Área Metropolitana de Lisboa (AML). O Municipal, com o custo de 60 euros, cinge-se aos limites geográficos de cada município. 

Apesar de só estarem à venda a partir de 26 de Julho, e de entrarem em vigor a 1 de Agosto, as famílias precisam de fazer o requerimento prévio, a partir da próxima segunda-feira, 22 de Julho. Para tal podem dirigir-se à página da AML ou do Portal Viva e anexar documentos como o comprovativo do domicílio fiscal e cópia dos documentos de identificação.  

Segundo explicou aos microfones da TSF o primeiro-secretário da AML, Carlos Humberto, o agregado familiar contempla ascendentes e descendentes, ou seja, avós, pais, filhos e netos. Em matéria de carregamento, o procedimento será simplificado. «Pagando um, imediatamente os outros podem ir carregar o cartão em qualquer lado sem contrapartida financeira», clarificou. 

Aumento «significativo e continuado»

A AML revelou esta semana que, três meses após a implementação do novo sistema tarifário, registou-se um «aumento significativo e continuado do número de passageiros».

No mês de Maio, os dados fornecidos mostram que foram vendidos mais de 630 mil passes, o que representa um aumento de 14% relativamente ao mês de Abril, com destaque para o passe Navegante Metropolitano, que representa 65% das vendas. Somando o Navegante +65, os valores crescem para uma representação de 78% em Maio.

A procura do passe Navegante continuou a subir em Junho, com os títulos Metropolitano e +65 a representarem 81%, tendo sido vendidos aproximadamente 640 mil passes. A AML conclui que o aumento das adesões se traduz «em cada vez mais utilizadores frequentes do serviço público de transportes de passageiros».

Tópico