|Metro de Lisboa

Expansão do Metro leva Bernardino Soares ao Parlamento

Na sequência da petição que recolheu mais de 30 mil assinaturas pela expansão do Metro ao concelho de Loures, o presidente da Câmara, Bernardino Soares, participa esta tarde numa audição parlamentar. 

CréditosTiago Petinga / Agência Lusa

A reivindicação traduz-se na concretização da extensão do Metro ao concelho de Loures: por um lado, a Santo António dos Cavaleiros, Loures e Infantado, por outro, à Portela e a Sacavém, e surge na sequência do anúncio realizado pelo Governo, de que o Metro de Lisboa teria mais duas estações até 2022, designadamente Santos e Estrela. 

A autarquia não aceita ficar de fora do projecto de ampliação da rede, frisando que a expansão deve acontecer «sem prejuízo das melhorias necessárias» em outros meios de transporte que operam no concelho.

A petição pública lançada pelo Município em Junho de 2017, que recolheu mais de 30 mil assinaturas, denuncia que Loures está entre os municípios limítrofes sem uma «alternativa eficiente e acessível de transporte em carril», o que obriga dezenas de milhares de pessoas a utilizarem diariamente o transporte rodoviário.

O presidente da Câmara de Loures, Bernardino Soares, é ouvido a partir das 15h30 numa audição promovida pela Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas da Assembleia da República. 

Tópico