|direitos laborais

Trabalhadores da saúde em greve a 25 de Maio

Os sindicatos dos trabalhadores da saúde  afectos à CGTP-IN vão estar em greve no dia 25 de Maio. A paralisação não abrange médicos nem enfermeiros. 

A carreira dos técnicos de diagnóstico e terapêutica «ficou aquém do que é justo», diz Ana Avoila
A carreira dos técnicos de diagnóstico e terapêutica «ficou aquém do que é justo», diz Ana AvoilaCréditos / Ricoh

Os trabalhadores reclamam a aplicação das 35 horas de trabalho semanais para todos os trabalhadores com contratos individuais de trabalho (cerca de 75 mil funcionários) e pretendem também negociar uma carreira para os assistentes operacionais, «que são os únicos sem uma carreira específica».

Segundo Ana Avoila, coordenadora da Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública, também a carreira dos técnicos de diagnóstico e terapêutica «ficou aquém do que é justo».

Os trabalhadores pretendem ainda um «aumento geral dos salários» e a abertura de concursos na área da saúde, queixando-se da falta de pessoal, que leva os trabalhadores a «um ritmo de trabalho muito pesado».

Ana Avoila reclamou igualmente mais investimento, considerando que o anterior Governo «delapidou os serviços» e que o actual Executivo «não tem resolvido nem investido, deixando piorar a situação» na saúde.


Com Agência Lusa

Tópico