|Navigator Company

Trabalhadores da ATF deslocaram-se a Lisboa para exigir aumentos salariais

Os trabalhadores da About the Future, fábrica da Navigator em Setúbal, realizaram esta terça-feira uma concentração de protesto em frente ao Hotel Ritz, onde decorreu a assembleia-geral de accionistas.

Concentração de trabalhadores da ATF em frente ao hotel Ritz, em Lisboa
Concentração de trabalhadores da ATF em frente ao hotel Ritz, em LisboaCréditos / Site Sul

A acção de protesto, que decorreu esta manhã, reuniu dezenas de operários da fábrica About the Future (ATF) em frente ao hotel de cinco estrelas, local escolhido pelo grupo The Navigator Company para a sua assembleia-geral de accionistas.

A concentração coincide também com o dia em que arranca uma greve a todo o trabalho suplementar na ATF, por tempo indeterminado, cujo pré-aviso foi entregue pelo Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Actividades do Ambiente do Sul (Site Sul/CGTP-IN).

Em comunicado, o Site Sul realça que a contestação dos trabalhadores desta fábrica do grupo Navigator, sediada em Setúbal, surge no seguimento da decisões tomadas nos plenários realizados a 20 e 21 de Março, por considerarem que a resposta da empresa ao caderno reivindicativo foi insuficiente.

Os trabalhadores da ATF exigem aumentos e o fim das disparidades salariais, com vista à aproximação aos valores praticados na fábrica na Figueira da Foz, cujas discripâncias afirmam chegar a centenas de euros. Além disso, defendem o direito ao pagamento de 11 feriados e de 14 prevenções por ano.

Outras reivindicações dos operários passam pelo enquadramento nas categorias que correspondem às funções efectivamente desempenhadas, a implementação de um horário máximo de 37,5 horas semanais e a atribuição de um vale mensal de combustível (65 litros de gás natural ou 55 litros de gasolina ou gasóleo).

Greve de quatro dias arranca no domingo

No próximo dia 14 de Abril, os trabalhadores da ATF iniciam um novo período de greve de quatro dias consecutivos. O protesto arranca na meia-noite de domingo e decorrerá até à mesma hora de 17 de Abril.

Recorde-se que os cerca de 600 operários desta fábrica da Navigator cumpriram em Janeiro passado uma greve idêntica, na qual a elevada adesão ao protesto obrigou à paragem das unidades do papel e da transformação.

Em 2018, o grupo The Navigator Company registou lucros na ordem dos 225 milhões de euros, que foram considerados pela empresa como «os melhores de sempre». O volume de negócios também subiu para 1692 milhões de euros.

Tópico