|pescadores

Pescadores exigem medidas de protecção

Os pescadores sentem-se prejudicados e exigem apoio do Governo, tal como para as restantes actividades. O seu rendimento não pode ser garantido através do esgotamento do Fundo de Compensação Salarial.

A pequena pesca toma posição contra o sistema de pontos imposto pela União Europeia para o sector
Créditos / Anopcerco

Os pescadores, que têm também os seus salários e rendimentos afectados pela crise do surto epidémico, não foram abrangidos por medidas de apoio e viram a Assembleia da República rejeitar propostas, por um lado, no sentido de salvaguardar a sua protecção social e, por outro, de garantir um regime de regulação de preços no âmbito da 1.ª venda em lota e regimes especiais de comercialização e contratualização de aquisição de pescado.

Entretanto, os pescadores sentem-se prejudicados e queixam-se de um tratamento diferenciado dos restantes trabalhadores, exigindo apoio do Governo, tal como nas restantes actividades, sem ser necessário mobilizar recursos do Fundo de Compensação Salarial dos Profissionais da Pesca.

Aliás, tal Fundo destina-se a suportar os custos de situações específicas do sector que obrigam à sua inactividade, nomeadamente em períodos de defeso ou impedimento à navegabilidade pelo fecho de barras e portos. A sua utilização até ao esgotamento, não só colocaria graves problemas quanto à sua utilização no futuro, como também nunca poderia compensar a totalidade a perda de rendimento verificada.

Tópico