Conferência Socialista marca «reentrée» do PS

A Conferência Socialista «Desigualdade, Território e Políticas Públicas», que decorre hoje e amanhã, em Coimbra, assinala a designada «reentrée» política do PS.

«O Partido Socialista tem inscrito no seu ADN a procura da redução das desigualdades como um elemento fundamental na construção de uma sociedade decente», lê-se no convite da conferência que arranca hoje, pelas 21h30, no Convento de São Francisco, em Coimbra.

Na abertura será projectado o filme Inequality for all, de Jacob Kornbluth, apresentado pelo socialista Rui Pena Pires e comentado por Pedro Adão e Silva e João Teixeira Lopes.

Amanhã, os debates programados respondem a três temas centrais: «o desenvolvimento territorial», «uma Europa de todos» e «a promoção da igualdade social», com o presidente da Câmara Municipal da cidade, Manuel Machado, a dar as boas-vindas, seguido do líder parlamentar e presidente do PS, Carlos César.

Mário Centeno, Mariana Mortágua, Eugénio Rosa e João Galamba são algumas das figuras que vão debater as desigualdades. António Vitorino e a eurodeputada, Maria João Rodrigues, dinamizarão o painel «uma Europa de todos».

O presidente honorário do PS, António Arnaut, e o secretário-geral, António Costa, encerram a conferência, amanhã, às 19h30.