|Agricultura

Agricultores lesados por animais selvagens concentram-se em Coimbra

A Confederação Nacional da Agricultura (CNA) promove na próxima quarta-feira um protesto de agricultores lesados pela acção de javalis, com o intuito de exigir medidas urgentes do Governo para o sector.

Agricultor observa danos causados por bando de javalis
Agricultor observa danos causados por bando de javalisCréditos

Realiza-se na manhã da próxima quarta-feira, em Coimbra, junto à Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Centro, um protesto de agricultores vítimas da acção dos javalis, e nalguns casos também de veados e corças, que consideram estarem as «populações desses animais fora de controlo em diversas regiões».

Estes agricultores, com avultados prejuízos «em culturas como hortícolas, Milharais, outros Cereais, Pomares, Olival, Vinhas, Soitos», reclamam medidas urgentes para acudir a este «grave problema» e chamam também a atenção para «o perigo real de se precipitarem problemas graves com a falta de sanidade destes animais, com especial destaque para a peste suína africana».

Em nota de imprensa, a CNA afirma que o Ministério da Agricultura e o Governo têm o dever de intervir, sobretudo perante uma «situação descontrolada» e pelo facto que «muitos pequenos e médios agricultores», fundamentais para o tecido económico regional, assumem que «não podem continuar a tentar produzir» nestas condições.

Esta acção, que pretende também sensibilizar o Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) e o Ministério da Agricultura, é promovida pela CNA e as suas filiadas – Associação Distrital dos Agricultores de Coimbra, Associação dos Baldios e Agricultores de Viseu e a União dos Agricultores do Distrito de Leiria.

Tópico