|Escola Pública

Escolas da Moita devem ficar sem amianto no final de Agosto 

A Câmara Municipal da Moita projecta para o final do mês a remoção das coberturas de fibrocimento em vários estabelecimentos de ensino do concelho. Empreitada implica um investimento de 1 471 678 euros.

Créditos / Câmara Municipal da Moita

Estão a ser alvo de intervenção as escolas básicas do 2.º e 3.º ciclos D. João I e Mouzinho da Silveira, na Baixa da Banheira, D. Pedro II e Fragata do Tejo, na Moita, José Afonso, em Alhos Vedros, Escola Básica do Vale da Amoreira, Escola Secundária da Baixa da Banheira e as escolas básicas n.º 2, n.º 6 e n.º 7 da Baixa da Banheira e n.º 2 do Vale da Amoreira.

Conforme anunciou no mês de Julho, o Município assumiu os encargos da substituição de coberturas de fibrocimento com amianto nas seis escolas básicas de 2.º e 3.º ciclos e na Secundária no concelho da Moita, estabelecimentos de ensino da responsabilidade do Ministério da Educação.

Num comunicado divulgado esta sexta-feira, a autarquia realça que, no quadro das competências atribuídas às autarquias no âmbito do Ensino Pré-escolar e 1.º ciclo do Ensino Básico público, tem vindo também a investir na requalificação e modernização dos estabelecimentos de ensino no concelho e a proceder, gradualmente, à remoção de todas as coberturas de fibrocimento.

Esta intervenção é concluída agora com a retirada das coberturas nas escolas básicas números 2, 6 e 7 da Baixa da Banheira e na n.º 2 do Vale da Amoreira, cuja empreitada implica um investimento superior a 190 mil euros.

Tópico