|Sophia de Mello Breyner Andresen

Município de Grândola assinala centenário de Sophia

A Câmara Municipal de Grândola comemora o centenário do nascimento de Sophia Mello Breyner Andresen com espectáculos de poesia, música, cinema e teatro. A entrada é livre. 

O programa decorre desde ontem no Cineteatro Grandolense. Esta quarta-feira, 6 de Novembro, dia em que a poetisa nasceu, em 1919, serão exibidos o documentário de Pedro Clérigo, O Nome das Coisas – Sophia de Mello Breyner Andresen, e a curta-metragem de João César Monteiro, Sophia de Mello Breyner Andresen.

As comemorações encerram amanhã com Sophia na Biblioteca Andante. Com interpretação de Cristina Paiva, o espectáculo da Andante Associação Artística é mais do que uma leitura encenada.

«É uma revisitação nossa aos seus textos que sempre nos acompanharam, do dia inicial inteiro e limpo à exemplar super "Mónica", dos "brancos pavores" do fundo do mar à infância, quando pensava que os poemas eram "o nome deste mundo dito por ele próprio". Sem nunca esquecer a sua amada Grécia. Nem o mar.», lê-se na sinopse. 

Tópico