|lutas sindicais

Trabalhadores da Carris reivindicam aumentos

Consideram que é preciso ter presente que a melhoria do serviço público é indissociável da valorização dos trabalhadores que, com zelo e competência, o prestam diariamente.

A CarrisBus tem como principal actividade a manutenção e reparação de veículos pesados de passageiros, bem como de carros eléctricos
Autocarros da CarrisCréditos / CGTP-IN

A Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans) afirma, em comunicado, ser «possível, necessário e urgente o aumento significativo dos salários na Carris» e considera que o Conselho de Administração «tem a obrigação e condições para ir muito mais longe» do que a proposta que apresentou, de 10 euros de aumento salarial mensal.

A federação sindical, para quem é «inadmissível que o salário base dos homens e mulheres que trabalham na empresa esteja cada vez mais próximo do salário mínimo nacional», sublinha que a melhoria do serviço público é indissociável da valorização dos trabalhadores, «uma situação que releva a importância da redução do horário de trabalho, mesmo que faseada, para as 35 horas».

A Fectrans reafirma ainda a necessidade «de que o 8.º grupo de folgas para os trabalhadores do tráfego, com folga rotativa, seja implementado, em todas as Estações, simultaneamente».

Tópico