|greve

Motoristas da Santa Casa da Misericórdia em greve

Exigindo aumentos salariais e a integração na carreira, os trabalhadores estão em greve durante esta semana. Nos dois primeiros dias, a adesão foi significativa.

Créditos / CGTP-IN

Registando-se «uma forte adesão dos trabalhadores», a greve (hoje no seu segundo dia) está a afectar muitos dos serviços da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), informou em nota à imprensa o Sindicato dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais do Sul e Regiões Autónomas (STFPSSRA/CGTP-IN).

Na próxima sexta-feira, dia 24, os trabalhadores estarão concentrados, a partir das 11h, frente à entrada da SCML, para reafirmar as suas exigências.

Os motoristas reivindicam condições salariais «mais justas», a integração na carreira técnico-profissional, a atribuição de subsídio de lavagem e fardamento, a garantia de ajudas de custo e responsabilidade de franquia.

Tópico