|greve

Trabalhadores da AdTA realizam greve e concentração

Exigindo a uniformização das condições de trabalho e uma resposta da administração às suas reivindicações, os trabalhadores da Águas do Tejo Atlântico (AdTA) vão fazer greve na próxima segunda-feira, 14, concentrando-se às 10h30 junto à sede da empresa, em Lisboa.

https://www.abrilabril.pt/sites/default/files/styles/jumbo1200x630/public/assets/img/lisboa-etar-o.jpg?itok=DbKprCw-
Os trabalhadores da AdTA vão concentrar-se, na segunda-feira, junto à ETAR de Alcântara
Os trabalhadores da AdTA vão concentrar-se, na segunda-feira, junto à ETAR de AlcântaraCréditos / Fiequimetal

A greve foi decidida no final de Julho, em plenário, por unanimidade, para exigir uma resposta favorável às reivindicações apresentadas à administração da Águas do Tejo Atlântico (AdTA, do grupo Águas de Portugal, responsável pela gestão e exploração do sistema multimunicipal de saneamento de águas residuais da Grande Lisboa e Oeste).

«Lutamos para que todos os trabalhadores da empresa tenham direitos iguais para trabalho igual», lê-se no comunicado mais recente da Comissão Intersindical da AdTA, formada pelo Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Actividades do Ambiente do Centro Sul e Regiões Autónomas (SITE CSRA/CGTP-IN) e pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local e Regional (STAL/CGTP-IN).

As principais reivindicações dizem respeito à uniformização dos valores dos subsídios de transporte, de refeição e de prevenção, bem como à atribuição do subsídio de turno aos trabalhadores que têm esta modalidade de horário.

Como a AdTA não cumpriu as formalidades legais com vista ao estabelecimento de serviços mínimos, os sindicatos vão organizar um grupo de trabalhadores, que estará pronto a intervir em situações entendidas como graves e urgentes, informa ainda a Comissão Intersindical.

Tópico

0 Comentários

no artigo "Trabalhadores da AdTA realizam greve e concentração