|pescas

Luta dos inspectores das pescas vai continuar

Os inspectores das pescas terminam esta segunda-feira a greve em defesa da valorização da carreira, mas vão reunir-se brevemente para analisar novas formas de luta a pôr em prática a partir de Outubro.

Créditos / Ambiente Magazine

Estes profissionais estão em greve ao trabalho extraordinário e em dias de descanso semanal e feriados desde o último trimestre de 2017, concretizada em ciclos de três meses. Exigem do Governo a apresentação e negociação de uma proposta de efectiva valorização das carreiras, bem como a definição de um regime de duração e horário de trabalho e um regime de aposentação específico.

Em declarações à agência Lusa, Rui Raposo, da direcção da Federação nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais (FNSTFPS/CGTP-IN) avançou que, apesar de a greve terminar hoje, os trabalhadores vão reunir-se em breve para, após o dia 7 de Outubro, analisarem como vão prosseguir a luta. 

Os inspectores reclamam ainda a definição de uma «compensação digna» pela prestação de serviços a bordo de navios, para efeitos de fiscalização, ou de aeronaves. O dirigente denuncia que estes trabalhos decorrem «por cerca de um mês e não há uma compensação […] para o risco que decorre do exercício destas funções».

Com agência Lusa

Tópico