|medicamentos

Laboratório Militar produz gel e testes para a Covid-19

A instituição que esteve para ser extinta pelo governo PSD/CDS-PP está a dar apoio ao SNS, produzindo gel de limpeza e fazendo testes ao coronavírus para as Forças Armadas e a população civil.

«Não sendo o ideal, é pelo menos muito melhor do que previa o decreto-lei», considera João Oliveira
CréditosInácio Rosa / Agência Lusa

O Laboratório Militar tem previsto ainda esta semana começar a realizar testes de despiste do novo coronavírus, respondendo, assim, às solicitações que lhe foram feitas pelo ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, noticiou o Público.

Testes que seguem a metodologia utilizada pelo Laboratório de Referência do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge e reforçam a oferta a nível nacional. Também no Laboratório Militar foi intensificada, já em Fevereiro passado, a produção de gel desinfectante.

Extinção travada para bem da Saúde

O Laboratório Militar esteve à beira de desaparecer em 2015, no final do mandato do governo do PSD/CDS-PP. A mês e meio das eleições, o Ministério da Defesa liderado por Aguiar Branco apresentou um projecto legislativo para a extinção desta instituição centenária.

No entanto, na anterior legislatura, a maioria no Parlamento travou a extinção e a sua reestruturação e reforço foram alvo de várias propostas.

No debate orçamental deste ano, o PCP viu aprovada a sua proposta de criação do Laboratório Nacional do Medicamento, inserido na orgânica do Exército e reforçando os recursos afectos ao actual Laboratório Militar, apesar da abstenção do PAN, do CDS-PP e do Chega e do voto contra do PSD e da Iniciativa Liberal.

Tópico