|produção nacional

Agricultores de Aveiro vão manifestar-se porque a situação é «dramática»

A União de Agricultores e Baldios do Distrito de Aveiro (UABDA) está revoltada com a situação no sector e reclama medidas de apoio, entre as quais a fixação do preço do leite nos 40 cêntimos por litro.

Manifestação foi convocada por várias associações e cooperativas agrícolas, para demonstrar «a revolta dos produtores face a mais uma descida do preço do leite»
A UABDA concluiu que a situação no sector agrícola é «dramática» CréditosJosé Coelho / Agência Lusa

Na sequência de uma reunião recente para analisar a situação da agricultura no distrito, a UABDA manifesta preocupação e revolta, solidariza-se com todos os agricultores e apela à sua mobilização para a «defesa da produção e soberania alimentar nacional» na manifestação que, no dia 24, terá lugar na AGRO – Feira Internacional de Agricultura, Pecuária e Alimentação, em Braga.

A fixação do preço do leite nos 40 cêntimos por litro é uma das reivindicações apontadas numa nota agora divulgada, tendo em conta a «situação de desequilíbrio» que o sector leiteiro «vive há anos», devido aos baixos preços pagos à produção e à falta de margem para fazer frente aos sucessivos aumentos nos factores de produção.

Neste contexto, dezenas de explorações leiteiras de Aveiro viram-se obrigadas a encerrar – um horizonte que, refere o texto, é cada vez mais próximo noutras áreas do sector agrícola, nomeadamente na produção hortícola, vitivinícola e pecuária.

É neste sentido que a UABDA reclama junto do Governo medidas concretas de apoio ao sector, entre as quais destaca «a necessidade urgente da redução dos preços dos factores de produção, passando pela regulamentação dos mesmos, nomeadamente das rações, combustíveis, energia, fertilizantes e fitofármacos».

Tendo em ainda em conta a «situação actual» e a «brutal subida dos combustíveis», os agricultores sublinham ainda que não querem da responsável da tutela «reduções extraordinárias que se revelam insuficientes», mas a aplicação da lei aprovada na «Assembleia da República relativamente à implementação do apoio à electricidade verde».

Tópico