|São Pedro da Cova

São Pedro da Cova homenageia mineiros

Foi ontem inaugurado em São Pedro da Cova, concelho de Gondomar, um monumento denominado «Que força é esta que trazes nos braços?», uma peça escultórica que homenageia os operários mineiros da localidade.

https://www.abrilabril.pt/sites/default/files/styles/jumbo1200x630/public/assets/img/mineiros.jpeg?itok=q0eIoZTz
Mineiro de São Pedro da Cova
Mineiro de São Pedro da CovaCréditos / Museu Mineiro de São Pedro da Cova

Numa nota enviada à imprensa, a Junta da União das Freguesias de Fânzeres e São Pedro da Cova explica que «depois de décadas de intensa exploração do subsolo de São Pedro da Cova, a memória e a identidade desta comunidade mineira continuam a ser sentidas pelos herdeiros de uma cultura tão própria e dominante».

O monumento simboliza «o esforço, o trabalho e a vida daqueles que, com sacrifício, possibilitaram o avanço da indústria nacional e que assim deixaram a sua marca na História de Portugal».

A obra, idealizada pelo arquiteto Mário Marques e concebida pela empresa Ricardo & Barbosa, é formada por chapas de aço corten, unidas em forma de um triângulo escaleno, interrompidas ao centro por vidro que permite expor o bloco de carvão mineral extraído das Minas de Carvão de São Pedro da Cova. Segundo a Junta, «a configuração deste monumento representa o esforço efetuado pelo antebraço dos operários mineiros no desmonte e tratamento do carvão».

«É uma homenagem que fazemos à história local. O carvão é um símbolo da freguesia, mas não faz sentido olhar para o carvão sem pensarmos nos homens que exploraram o subsolo, que trabalharam nas minas, os operários que ergueram São Pedro da Cova», declarou à imprensa o presidente da Junta da União de Freguesias de Fânzeres e São Pedro da Cova, Daniel Vieira.

O autarca afirma ainda que esta iniciativa é, «ao mesmo tempo, um contributo e um alerta», uma vez que também está em causa a necessidade de dar atenção a um complexo mineiro que, embora desativado, «é património a preservar».

Daniel Vieira acrescenta que a freguesia continua a aguardar a retirada total de toneladas de resíduos industriais perigosos provenientes da Siderurgia Nacional, que laborou entre 1976 e 1996 , resíduos que foram depositados nas escombreiras das antigas minas.

Esta é mais uma iniciativa que se junta a outras promovidas pela Junta, como a abertura do Museu Mineiro, que recebe em média 7000 visitantes por ano, e a requalificação da zorra n.º 53, equipamento que serviu nas décadas anteriores a 1960 para transportar carvão entre São Pedro da Cova e Massarelos, no Porto.

Tópico

0 Comentários

no artigo "São Pedro da Cova homenageia mineiros