|segregação

Câmara de Leiria isola bairro de habitação pública

Depois das obras de requalificação nas habitações do Bairro Social da Integração, a Câmara de Leiria construiu um muro de dois metros para delimitar o território. Moradores denunciam isolamento.  

Créditos / aveiro123.blogspot.com

O Jornal de Notícias avança na edição desta quarta-feira que, depois da renovação das 18 casas do chamado Bairro Social da Integração, a Câmara Municipal de Leiria (PS) construiu um muro de dois metros que separa o bairro das restantes moradias e tapa a vista. 

Consciente da retórica sobre a integração das comunidades ciganas – «dizem que nos temos de integrar na sociedade» –, uma das moradoras denunciou ao diário que, «deste lado, são os ciganos, dali são as vivendas». «É o nosso muro da vergonha», lamentou. 

Não obstante as denúncias de segregação, os moradores afirmam que o muro trouxe problemas ao nível da circulação automóvel pelo facto de roubar espaço às faixas de rodagem e tirar lugares de estacionamento. 

Ao Jornal de Notícias, a vereadora do Desenvolvimento Social da Câmara Municipal de Leiria, Ana Valente, reconheceu que a construção do muro se deve à «necessidade de definir os limites do terreno com os terrenos adjacentes». Sem justificar a altura do mesmo, a eleita adiantou que o objectivo é que venha a ser alvo de arte urbana. 

Tópico