|privatização

Câmara de Lagos insiste na alienação da limpeza urbana

A CDU contesta nova entrega da limpeza urbana deste concelho algarvio a uma empresa privada, sublinhando que a população tem-se manifestado contra o mau serviço prestado.

Créditos / De Lagos a Bensafrim!..

Num comunicado enviado às redacções, a CDU afirma que, apesar de ser do «conhecimento público que a população do concelho de Lagos tem manifestado o seu grande desagrado pela má qualidade da limpeza urbana na cidade e freguesias», no dia 2 de Maio a Câmara Municipal entregou o serviço a uma empresa privada, através de concurso público.

A Câmara de Lagos, lê-se no texto, «decidiu contratar a mesma empresa por mais três anos (resultado das regras impostas em concurso e das empresas concorrentes), pagando mais de dois milhões e seiscentos mil euros». 

A CDU defende que a atitude correcta seria a Câmara Municipal abrir o concurso por um período mais pequeno, «apenas suficiente para preparar os seus quadros de pessoal e equipamentos para o regresso destes serviços à sua gestão».

Adianta-se ainda no comunicado que, de acordo com o programa eleitoral da coligação PCP-PEV, a limpeza urbana deveria regressar à gestão camarária e das freguesias de modo a garantir a eficiência destes serviços e a proximidade dos munícipes, «que assim poderiam apresentar eventuais reclamações e sugestões directamente junto dos responsáveis».

Tópico