|transportes

Trabalhadores comerciais da Soflusa avançam com greve

Os trabalhadores da área comercial da Soflusa decidiram em plenário avançar com dois dias de greve para 28 de Janeiro e 4 de Fevereiro, pela valorização da carreira e novas contratações.

A supressão de carreiras por falta de navios tem sido o quotidiano destas empresas
A supressão de carreiras por falta de navios tem sido o quotidiano destas empresasCréditosJosé Sena Goulão / Agência Lusa

Em comunicado, a Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans/CGTP-IN) afirma que os dois dias de greve na Soflusa é a reacção dos trabalhadores à falta de respostas da administração que possibilitem a resolução do conflito em curso.

Entre as reivindicações, os trabalhadores da Soflusa defendem avanços nas negociações que permitam a valorização da carreira de agente comercial e a aplicação do protocolo de 2009 (acordo assinado nesse ano que previa aumentos nos salários e em diversos subsídios).

Os trabalhadores comerciais exigem ainda a contratação de mais pessoal, bem como maior segurança nas bilheteiras e formação nas novas aplicações a nível da bilhética.

No passado dia 5 de Novembro, os trabalhadores comerciais da Soflusa realizaram uma greve parcial de três horas por turno, tendo como base as mesmas reivindicações. A adesão geral foi de 95%.

Tópico