|greve

Trabalhadoras da limpeza do Casino de Vilamoura em greve

As funcionárias, afectas à Safira Facility Services, cumprem hoje o segundo dia de greve, em defesa dos direitos e pela melhoria dos salários e das condições de trabalho.

Trabalhadoras concentradas à entrada do Casino de Vilamoura, durante o período de greve
Trabalhadoras concentradas à entrada do Casino de Vilamoura, durante o período de greveCréditos / Sindicato da Hotelaria do Algarve

Numa nota de imprensa, o Sindicato de Hotelaria do Algarve (CGTP-IN) explica que as trabalhadoras do serviço de limpeza do Casino de Vilamoura iniciaram ontem uma greve de dois dias «contra a redução do pagamento dos feriados, pelo pagamento do subsídio de domingo, pelo pagamento do subsídio de alimentação nos domingos e feriados trabalhados, e pela melhoria dos salários e das condições de trabalho».

Manifestando-se «totalmente solidária» com a luta destas trabalhadoras, a organização sindical exige à Safira Facility Services que reponha aquilo que lhes retirou.

«Ao invés de cortar na retribuição», deve valorizar os salários, que já não são aumentados há vários anos, afirma o sindicato.

Tópico