|Barreiro

Solidariedade com luta das trabalhadoras da WashClean sai às ruas

As trabalhadoras da lavandaria WashClean desfilaram pelas ruas do Barreiro juntamente com populares, em solidariedade com a vigília para impedir a retirada das máquinas que já dura há mais de um mês.

Marcha solidária com os trabalhadores da WashClean, no Barreiro. 8 de Dezembro 2018
Marcha solidária com os trabalhadores da WashClean, no Barreiro. 8 de Dezembro 2018CréditosUnião dos Sindicatos de Setúbal

A acção foi promovida pela União de Sindicatos de Setúbal (USS/CGTP-IN) e realizou-se esta manhã.

Os 51 trabalhadores da lavandaria WashClean Laundries, situada no parque empresarial da Quimiparque, no Barreiro, mantêm-se firmes em vigília na fábrica, primeiro à porta, agora dentro do refeitório, de forma a impedir a saída de equipamentos e maquinaria, desde 6 de Novembro.

Após vários meses a receber os salários aos bochechos, os trabalhadores visam garantir agora que recebem os salários de Outubro e os subsídios de férias que estão em atraso. Após um largo período de silêncio, o patrão, em conjunto com outro sócio e o advogado, já comunicaram que vão declarar a insolvência.

Tópico