|Tomar

Tejo Ambiente aumenta tarifários

O concelho de Tomar vai sofrer o aumento dos tarifários da água, saneamento e resíduos, através de uma proposta aprovada na Assembleia Municipal, que já prevê um novo aumento em Janeiro.

Instalações da Tejo Ambiente, em Tomar
Instalações da Tejo Ambiente, em TomarCréditos / Tomar em Rede

A denúncia é feita pela CDU, que chama a atenção para a última reunião da Assembleia Municipal de Tomar, onde se discutiu o ponto sobre a revisão do Estudo de Viabilidade Económico-Financeira e o Contrato de Gestão Delegada apresentado pela Tejo Ambiente e, «na votação final, com os votos favoráveis do PS e abstenção do PSD e Independentes do Nordeste, foi aprovado na realidade o aumento dos tarifários» da água, saneamento e resíduos a partir do dia 1 de Agosto.

A CDU, que sublinha ter votado contra estes aumentos, propôs a saída do concelho de Tomar da Tejo Ambiente recomendando à «Câmara a preparação dessa saída» e apresentou uma moção pedindo uma auditoria externa às contas da empresa, que no primeiro ano de actividade, em 2020, registou um saldo negativo de 2 milhões de euros.

Tópico