|desporto

Reforçados apoios à prática desportiva em Lisboa

O desporto não federado vai ser incluído no Programa Municipal de Apoio ao Desporto em Lisboa, por proposta dos vereadores do PCP na Câmara Municipal, dando um novo fôlego às colectividades locais.

Créditos / uptokids

Um conjunto de propostas a acrescentar ao Programa Municipal de Apoio ao Desporto, que define as medidas e as linhas de apoio financeiro a conceder pelo Município de Lisboa, foram apresentadas na passada quarta-feira pelos eleitos comunistas na vereação da cidade, visando reforçar o âmbito do apoio a prestar às várias associação e entidades que nela promovem a prática desportiva.

Enquadradas na resposta à pandemia e à promoção da retoma da actividade física, este conjunto de propostas vem facilitar e alargar o acesso das associações e colectividades desportivas existentes no Município, sem fins lucrativos, a este novo progama, aumentando a percentagem financeira disponível para apoiar a construção e requalificação de instalações desportivas, aquisição de viaturas de transporte colectivo de passageiros e equipamentos desportivos.

Ficou também explicitado, no documento agora aprovado, o carácter extraordinário deste programa, não se sobrepondo agora ao conjunto de apoios atribuídos no contexto do Regulamento de Atribuição de Apoios pelo Município de Lisboa (RAAML). Este reforço, que se cifra nos 20 milhões de euros, garante um substancial incremento no financiamento destas associações, a maior parte das quais se viu forçada a suspender a sua actividade no último ano.

Entre as propostas também apresentadas pelos comunistas, que constituíram a única proposta de alteração ao documento, foram também acrescentadas medidas com vista à discriminação positiva de apoios, para equipamentos desportivos e não desportivos, ao desporto adaptado.

Tópico