|Património

Câmara da Vidigueira cria Centro Interpretativo do Vinho de Talha

A Câmara Municipal da Vidigueira, no Alentejo, vai construir um centro interpretativo com o objectivo de promover e divulgar o vinho de talha enquanto factor de desenvolvimento económico e turístico.

Créditos / Câmara Municipal da Vidigueira

Segundo informação disponibilizada na página da autarquia, já foi assinado o contrato para o reinício da obra de construção do Centro Interpretativo do Vinho de Talha, estando o arranque dos trabalhos previsto para os primeiros dias do mês de Setembro. 

A infra-estrutura vai nascer num edifício que o Município vai construir de raiz no centro de Vila de Frades, no concelho da Vigueira, tida como «capital do vinho de talha». 

A conclusão da obra, cujo orçamento ronda os 400 mil euros, com 60% desse valor cofinanciado por fundos comunitários, está agendada para o final deste ano.

A Câmara Municipal da Vidigueira, no distrito de Beja, frisa que o novo equipamento se insere na estratégia de valorizar o vinho de talha enquanto património cultural do concelho e factor de desenvolvimento económico e turístico.

Tópico