|teatro

Teatro da Rainha em Viana do Castelo com texto de Alberto Pimenta

O Teatro da Rainha vai estar em Viana do Castelo com o Discurso sobre o Filho-da-Puta, este sábado, às 19h, no Teatro Municipal Sá de Miranda. 

Créditos / Paulo Nuno Silva

Um «grito gramaticalmente impecável, rigoroso, pela liberdade livre e contra o preconceito e o amiguismo hipócrita e nepótico que continua a constituir os modos da nossa sociabilidade sempre muito atravessadas de ambições de poder e poderes», é desta forma que o encenador Fernando Mora Ramos fala sobre este espectáculo. 

Beatriz Antunes, Fábio Costa, Marta Taveira e Nuno Machado são os quatro actores em palco, que, «numa lógica de quarteto instrumental de vozes», dão corpo ao Discurso, que Alberto Pimenta publicou em 1977. O Teatro da Rainha salienta num comunicado que, «quer pela desmontagem operada dos códigos retóricos, quer pela ironização implacável da prelecção académica», conserva «uma impressionante actualidade satírica».

Com Miguel Azguime na composição musical, «os sublinhados tornam ainda mais evidentes inúmeros jogos fonéticos, repetições, aliterações, cacofonias, numa energética e erótica dança de palavras embaladas por um ritmo que salta de parágrafo em parágrafo, sem pausas, mas contendo no seu interior hesitações, dúvidas, elipses», lê-se na nota.

Tópico