|José Saramago

Correspondência e diários de viagem de Saramago na Biblioteca Nacional

A Fundação José Saramago doou à Biblioteca Nacional a parte do espólio do escritor que inclui correspondência, diários de viagem e notas preparatórias para os romances Memorial do Convento e A Jangada de Pedra.

Réplica da secretária de José Saramago que integra a exposição <em>As sementes e o fruto</em>, patente no primeiro andar da Casa dos Bicos/Fundação José Saramago, em Lisboa
Créditos / Fundação José Saramago

A entrega deste novo lote de documentos dá continuidade ao processo de doação do espólio de José Saramago à Biblioteca Nacional de Portugal (BNP), iniciado em Dezembro de 2016, indicou a Fundação José Saramago, em comunicado.

O lote entregue na passada quinta-feira inclui, entre outros documentos, notas preparatórias para os livros Memorial do Convento, A Jangada de Pedra e A Segunda Vida de Francisco de Assis, diários de viagem e correspondência com vários autores, entre os quais Jorge de Sena, Jorge Amado, Carlos Fuentes e Urbano Tavares Rodrigues.

Depois de tratados e inventariados pelos técnicos da BNP, esses documentos serão disponibilizados a todos os que pretendam consultá-los.

Em 1998, José Saramago doou à instituição alguns documentos, como o original do romance O Ano da Morte de Ricardo Reis, cadernos preparatórios para o romance e o diploma do Prémio Nobel.

Em Dezembro de 2016, a Fundação José Saramago começou a doar o espólio do escritor, que morreu a 18 de Junho de 2010, aos 87 anos, dando cumprimento a uma vontade do Nobel da Literatura, cabendo à BNP o tratamento, conservação e disponibilização dos documentos para investigadores.

É na Fundação José Saramago, criada em 2007, na Casa dos Bicos, em Lisboa, que está depositado o espólio do escritor português, que inclui obras, discursos, diplomas, correspondência e uma biblioteca com mais de 20 mil títulos.


Com agência Lusa

Tópico

Contribui para uma boa ideia

Desde há vários anos, o AbrilAbril assume diariamente o seu compromisso com a verdade, a justiça social, a solidariedade e a paz.

O teu contributo vem reforçar o nosso projecto e consolidar a nossa presença.

Contribui aqui