|Música

Cante Alentejano no «Festival de Flamenco y Fado»

O presidente da Câmara de Évora anunciou a presença do Cante Alentejano na programação do «Festival de Flamenco y Fado», que este ano se realiza de 4 a 8 de Julho, em Badajoz.

https://www.abrilabril.pt/sites/default/files/styles/jumbo1200x630/public/assets/img/7453.jpg?itok=dg_o7KOq
O presidente Carlos Pinto de Sá sublinhou que a cidade está aberta à cooperação, não apenas com Badajoz, mas também com outras cidades transfronteiriças
O presidente Carlos Pinto de Sá sublinhou que a cidade está aberta à cooperação, não apenas com Badajoz, mas também com outras cidades transfronteiriçasCréditos / Câmara Municipal de Évora

A sessão de apresentação da 10.ª edição do evento realizou-se ontem, nos Paços do Concelho, em Évora, com o presidente da Câmara, Carlos Pinto de Sá, e a secretária geral da Cultura da Junta da Extremadura, Miriam Garcia Cabezas. 

Lançado em 2008, o «Festival de Flamenco y Fado» assume-se como um ponto de encontro entre as duas músicas mais representativas de Portugal e de Espanha, com o selo de Património Imaterial da Humanidade da UNESCO.

A edição deste ano, a decorrer entre os dias 4 e 8 de Julho, terá um formato renovado e a estreia do Cante Alentejano, com destaque para o espectáculo «Sulcanto», onde participam artistas eborenses como Pedro Calado e Manuel Caldeira, no cante e no fado, assim como Amílcar Vasquez-Dias, compositor e pianista. A fadista Mariza, a 6 de Julho, e Caixa de Pandora, no dia 4, são outros artistas portugueses em destaque. 

Durante a apresentação, Carlos Pinto de Sá referiu a importância da cultura como elemento de promoção de paz e conhecimento entre as cidades e os povos, salientando o tema celebrado este ano: «Évora pela Paz – 100 anos de armistício».

Tópico

0 Comentários

no artigo "Cante Alentejano no «Festival de Flamenco y Fado»