Transportes aumentam de preço em Aveiro

Os utentes dos transportes da Movebus denunciam o aumento de preços, a que acresce um sistema de bilhética desadequado.

https://www.abrilabril.pt/sites/default/files/styles/jumbo1200x630/public/assets/img/autocarroaveiro1.jpg?itok=YlKCLw39
Há escassez de pontos de venda de bilhetes na Movebus
Há escassez de pontos de venda de bilhetes na MovebusCréditos / Flickr

No final da passada semana, o presidente da Câmara Municipal de Aveiro, Ribau Esteves, anunciou alterações aos horários dos autocarros da Movebus (Transdev). A par destas, verificou-se um aumento de preços.

O que antes era um bilhete de ida e volta no período de 24 horas passou a ser apenas de ida. E a tarifa de compra a bordo para crianças e idosos, que era de 1 euro e 50 cêntimos, passou a custar 2 euros.

Além do aumento dos tarifários, os utentes denunciam ainda que o sistema de bilhética não se coaduna com as necessidades, uma vez que, se não for a bordo, só podem ser adquiridos dez títulos de cada vez. Simultaneamente frisam que há escassez de pontos de venda, obrigando muitos utentes a adquirir bilhetes a bordo.

1 Comentários

no artigo "Transportes aumentam de preço em Aveiro

Não estou a par da questão dos transportes em Aveiro, no entanto pelo que está escrito, acho algo violento fazer um aumento de 50 cêntimos tanto para crianças, como para os idosos. Quem necessitar fazer uma viajem de ida e volta pagará a módica quantia de 4 euros… Ora isto é inadmissível. Suponho que será um agente único? Outra coisa que não se compreende é a falta de pontos de venda. Ora isso obriga os utentes a ter de comprar respectivo título a bordo o que é sempre mais caro. Não é desta forma que se incentiva ao uso do transporte público. Por este caminho, o veículo individual continuará a ser o mais preferido, até porque em termos económicos fica muito mais barato para as famílias e não só!…