Nova via ligará os concelhos de Almada, Seixal, Barreiro e Moita

Câmara do Seixal avança com alternativa à EN10

Apesar de esta ser uma responsabilidade da Administração Central, a Câmara do Seixal vai avançar com a construção da futura Estrada Regional 10, até à freguesia da Amora. A alternativa à EN10 permitirá descongestionar o trânsito na freguesia de Corroios. 

https://www.abrilabril.pt/sites/default/files/styles/jumbo1200x630/public/assets/img/en10.jpg?itok=lrUKik_q
«A Assembleia da República reforçou a importância da alternativa à EN10 ao considerá-la no Plano Rodoviário Nacional em 1999 (PRN2000) como uma estrada regional, designada por ER10», refere o comunicado
«A Assembleia da República reforçou a importância da alternativa à EN10 ao considerá-la no Plano Rodoviário Nacional em 1999 (PRN2000) como uma estrada regional, designada por ER10», refere o comunicadoCréditos / Câmara Municipal do Seixal

A Câmara do Seixal revela num comunicado que «a obra de execução da Estrada Regional 10 (ER10) iniciou-se no concelho de Almada e teve continuidade no concelho do Seixal com a execução de uma primeira fase, concluída em 2001, com investimento municipal de 2,2 milhões de euros».

A obra foi suspensa devido a constrangimentos relacionados com a indisponibilidade de terrenos que, segundo o presidente da Câmara do Seixal, Joaquim Santos, já foram ultrapassados. Como tal, anuncia que, apesar de a sua execução ser da responsabilidade do Governo, o município vai retomar a construção desta via até à Amora.

Via que, quando estiver concluída, será «um dos principais vectores de mobilidade da margem sul», na medida em que ligará os concelhos de Almada, Seixal, Barreiro e Moita. Segundo a previsão da Câmara do Seixal, a obra, reivindicada há 18 anos, terá início em 2019 e deverá terminar em 2020, com um investimento na ordem dos 3,6 milhões de euros. 

Joaquim Santos sublinha que a ER10 vai permitir o descongestionamento do trânsito na freguesia de Corroios, favorecendo também a mobilidade na freguesia de Amora. Assim, em conjunto com as Juntas de Freguesia de Amora e de Corroios, a Câmara do Seixal vai solicitar uma reunião urgente ao ministro do Planeamento e Infraestruturas, «por forma a afirmar a necessidade urgente de retomar a construção desta estrada regional».

«Os presidentes das duas Juntas de Freguesia reconheceram as mais valias desta estrada que beneficiará os munícipes de todo o concelho, uma vez que a ER10 permitirá também a ligação com a A2 e com a A33, constituindo um corredor transversal a todo o concelho e permitindo o acesso ao Barreiro, através da Ponte Rodoviária Seixal/Barreiro e consequentemente ao concelho da Moita», lê-se no comunicado.

0 Comentários

no artigo "Câmara do Seixal avança com alternativa à EN10