|cinema

A maior edição do IndieJúnior arranca esta terça-feira no Porto

A quarta edição do maior festival de cinema infanto-juvenil do Norte vai passar por diversas salas da Invicta. São mais de 50 filmes, alguns escolhidos por crianças e jovens dos 6 aos 18 anos. 

«Jacob, Mimmi e os Cães Falantes» é uma das longas-metragens da competição internacional
«Jacob, Mimmi e os Cães Falantes» é uma das longas-metragens da competição internacionalCréditos / IndieJúnior

A partir de hoje, e até domingo, a quarta edição do IndieJúnior – Festival Internacional de Cinema Infantil e Juvenil do Porto, que a organização destaca como a «maior de sempre», vai poder ser visitada no Teatro Rivoli, Casa Comum (Reitoria da Universidade do Porto), Biblioteca Almeida Garrett, Zero Hotel e Casa das Artes.

Num comunicado a que o AbrilAbril teve acesso, o gabinete de imprensa do festival revela que «são mais de 50 filmes de produção recente que pretendem mostrar novas linguagens na área da animação, documentário e ficção a famílias, crianças e adolescentes».

Além de conferências e oficinas, conversas com realizadores e debates, bem como a exposição «Ecos de Viagem», criada por alunos da OSMOPE (Organização Social de Movimentos das Pontes Educativas).

O programa conta também com a rubrica «O Meu Primeiro Filme», na qual a rapper Beatriz Gosta, o director da Casa do Cinema Manoel de Oliveira, António Preto, e a realizadora Regina Pessoa foram convidados a escolher filmes, tendo seleccionado, respectivamente, O Clube dos Poetas Mortos, E.T. O Extraterrestre e A Quimera do Ouro.

A organização realça ainda as sessões de cinema para bebés, como o Cinema de Colo, e outras especiais para famílias, a par das três longas-metragens da competição internacional: A Extraordinária Viagem de Marona Jacob, Mimmi e os Cães Falantes, ambas exibidas no Teatro Rivoli, no sábado, e Uma Colónia, na Casa das Artes, esta sexta-feira. 

«Complementando o trabalho que realiza nas escolas da Área Metropolitana do Porto, o festival receberá mais de 5000 alunos de diferentes espaços educativos, assim como os pequenos programadores, dos 6 aos 18 anos, que este ano participaram no projecto "Eu Programo um Festival de Cinema"», lê-se na nota.

Esta quinta-feira, às 18h30, a Casa Comum da Reitoria da Universidade do Porto recebe um debate em torno do tema «O desafio de falar sobre sexo com os mais novos», com a intenção de chegar a respostas que contribuam para uma melhor relação com a educação sexual, entre pais e filhos, escola e alunos.

Tópico