Opinião

Gigantes que crescem e exploram

O apregoado sucesso dos grandes operadores na área do retalho, que traz milhões de euros aos seus accionistas, esconde outro lado, que é bem negro: a situação dos trabalhadores, uma peça fundamental para que sejam possíveis tão «belos» resultados, facto tão óbvio mas que os «senhores» desses grupos não admitem.

Editorial

Será desta?

Animam-se de novo na comunicação social analistas e comentadores agitando o papão da estabilidade política e da solução que permite ao PS governar, esfregando as mãos de contentamento com a ideia de que, finalmente, agora é que é...

Editorial

Para toda a gente, tudo #7

Como vem sendo hábito de Janeiro, o Goethe-Institut Portugal volta a organizar a Kino – Mostra de cinema de expressão alemã, primando novamente pela heterogeneidade de forma e foco.

Por Joana Manuel
Joana Manuel

Casino ou assalto

Os banqueiros não param de nos surpreender. Fernando Ulrich, presidente do BPI, disse à imprensa que afinal de contas os accionistas dos bancos é que tinham suportado os custos da crise financeira. 

Por Miguel Tiago
Miguel Tiago

Obama foi-se, vem lá o Trump

Sejamos claros. Trump e os elementos da administração que tem vindo a nomear não auguram nada de bom, mas não é por serem «excepções bestiais» ou por estarem «fora do sistema»: é que não só encarnam esse sistema como são consequência das acções das administrações anteriores – que, sublinhe-se, bem branqueadas têm sido nesta cartada «Fora, Trump!».

Editorial

Num pântano fedorento da NATO

Durante os últimos dias, a comunicação social bem comportada, de onde, aliás, continuam a ser despedidos os poucos jornalistas que ainda pensam pelas próprias cabeças, omitiu mais uns quantos acontecimentos que contribuem para explicar o mundo onde vivemos.

Por José Goulão
José Goulão

Fascismo nunca mais

O trabalho com direitos, o fim da precariedade e da desigualdade, a plenitude de direitos políticos, sociais, económicos e culturais, são bandeiras de ontem e de hoje, e condições centrais para a construção de um novo futuro!

Editorial

As PPP e os grupos económicos a «mandar» na Saúde

Os sucessivos governos, ao longo dos anos, tomaram opções com o intuito de enfraquecer o Serviço Nacional de Saúde (SNS) e favorecer os grandes grupos económicos que operam no sector, possibilitando-lhes a expansão do negócio na Saúde, onde estão incluídas as PPP.

Editorial