|Forças Armadas

Militar português morreu no Mali

Um militar português que desempenhava funções no Mali, no âmbito da missão de treino da União Europeia naquele país, morreu na sequência de um ataque no Leste da capital, Bamako, este domingo.

http://www.abrilabril.pt/sites/default/files/styles/jumbo1200x630/public/assets/img/dutch_minusma_troops_un_mission_mali_02.jpg?itok=EXexQq6G
Tropas da missão das Nações Unidas no Mali, em Dezembro de 2014
Tropas da missão das Nações Unidas no Mali, em Dezembro de 2014Créditos / Ministério da Defesa holandês

O Estado-Maior General das Forças Armadas (EMGFA) confirmou, em comunicado, a morte do militar português num complexo turístico no Leste de Bamako. De acordo com o ministro da Segurança maliano, Salif Traoré, um grupo de supostos terroristas entrou no local ontem à tarde, disparando vários tiros.

O sargento-ajudante Gil Paiva Benido «faleceu devido a confrontos na sequência de um ataque de elementos rebeldes que provocou outras baixas entre elementos de outros contingentes. O Exército confirma que outros militares ficaram feridos, incluindo um português, mas que já se encontra completamente recuperado», informa o EMGFA.

Tópico

0 Comentários

no artigo "Militar português morreu no Mali