|E o mundo é a nossa tarefa

Abandono

E o mundo é a nossa tarefa é uma escolha semanal de Manuel Augusto Araújo

http://www.abrilabril.pt/sites/default/files/styles/jumbo1200x630/public/assets/img/abandono_isabel_pyrrait.jpg?itok=aTyJlNMT
Isabel Pyrrait
Isabel PyrraitCréditos

Abandono

Por teu livre pensamento

Foram-te longe encerrar

Tão longe que o meu lamento

Não te consegue alcançar

E apenas ouves o vento

E apenas ouves o mar

Levaram-te a meio da noite

A treva tudo cobria

Foi de noite numa noite

De todas a mais sombria

Foi de noite, foi de noite

E nunca mais se fez dia.

Ai! Dessa noite o veneno

Persiste em me envenenar

Oiço apenas o silêncio

Que ficou em teu lugar

E ao menos ouves o vento

E ao menos ouves o mar.

Abandono/David Mourão-Ferreira

0 Comentários

no artigo "Abandono